Empreendedorismo, Startups

3 dicas para pedir feedbacks eficientes sobre sua startup

Todos os dias recebo mensagens de empreendedores apresentando suas novas ideias de negocio, landing pages, vídeos com demos, MVPss etc. Algumas vem acompanhadas...

· 3 min leitura >
3 dicas para pedir feedbacks eficientes sobre sua startup

Todos os dias recebo mensagens de empreendedores apresentando suas novas ideias de negocio, landing pages, vídeos com demos, MVPss etc. Algumas vem acompanhadas de enormes textos, outras com Canvas e até mesmo planos de negócio em anexo. E todas terminam com alguma variação da frase: qualquer feedback será bem-vindo.

Sei que não sou apenas eu que recebo este tipo de pedido. Além disso, nas comunidades no facebook e listas de emails vejo mais uma leva destas mensagens.

Antes de tudo quero falar um pouco sobre o feedback, em que consiste realmente.

Diferente do que muitos acreditam, o feedback é muito mais do que simplesmente um retorno sobre determinado produto, serviço ou situação. É também uma ferramenta de suma importância dentro do contexto gerencial e de liderança.

De uma forma bem simples podemos dizer que feedback é uma informação ocorrida que influenciará no momento presente, possibilitando que as realidades presentes sofram alterações e possam funcionar com toda sua plenitude.

Os feedbacks são versados por desempenhos, condutas e resultados. Seu princípio fundamental é possibilitar aperfeiçoamento e performance de pessoas e processos. Ou seja, atingir as tão conhecidas eficiência e eficácia.

Os feedbacks podem ser tanto positivos quanto negativos. Os feedbacks positivos referem-se a quando a meta é alcançada ou seja quando a empresa ou uma pessoa obteve sucesso naquela execução. Por outro lado o feedback negativo evidencia que há necessidade de melhoras ou de alterar a forma com que processo está sendo realizado. Ele é mostra que a equipe ou organização teve seus resultados abaixo do esperado.

Na maioria das vezes os feedbacks recebidos pelo empreendedor não são efetivos, e grande parte da culpa é de quem o pediu! Vou explicar o motivo através de algumas dicas de como ser mais eficiente e conseguir respostas mais interessantes.

1. Seja específico em sua solicitação

Evite a abordagem do “qualquer feedback será bem-vindo”. Diga claramente em quais aspectos você gostaria de ajuda ou opinião.

Por exemplo:

  • A minha landing page esta passando a mensagem de forma eficiente?
  • Você se sentiria seguro em assinar o plano anual do meu produto?
  • Existe alguma forma para eu melhorar a usabilidade da tela de login?
  • Você conhece alguém do setor de logística de transportes para me apresentar?
  • Conhece alguma solução similar à minha?
  • Quais outras funcionalidades você acha essencial para a próxima versão do meu produto?

Assim você estará facilitando enormemente o trabalho de quem irá respondê-lo, além de orientar o feedback exatamente para aquilo que você busca.

 2. Saiba para quem você está pedindo feedback

Assim como você deve evitar solicitações genéricas, também não peça opinião de todo mundo.

Pedir feedback em listas de email e grupos de facebook sobre startups serve apenas para você massagear o seu ego por estar lançando algo. Muitas das pessoas que irão responder podem ter muito pouca ou nenhuma propriedade para opinar sobre aquilo.

Uma coisa completamente diferente seria você buscar feedbacks nos grupos onde estão os seus clientes, mas aí já estamos falando sobre validação e a abordagem é outra.

Então, busque pessoas que você realmente respeita sobre aquele assunto que deseja o feedback (definido na dica 1) e tente conversar com elas.

Mas, se você nunca conversou com a pessoa em nenhum momento, seja pessoalmente ou virtualmente, não adianta enviar um email padrão que montou para uma lista de gente que encontrou não sei onde.

Emails genéricos vindos de desconhecidos pedindo feedback dificilmente serão respondidos. Então, pra facilitar, comece a mensagem se apresentando e criando algum tipo de empatia.

3. Esteja pronto para receber críticas

Se você seguiu a dica 2, significa que só pediu opinião a pessoas que realmente você deseja ouvir. Então ouça sem rebater. Nós só aprendemos com críticas sinceras, não com afagos na cabeça.

Você não tem que convencer a outra pessoa que o seu produto é único, inovador, FANTÁSTICO ou coisas do tipo. Não seja insistente ou inconveniente. Lembre-se que o outro está te ajudando.

Dizer que qualquer feedback será bem-vindo significa que nem você sabe do que precisa. Então, as chances de ser ajudado serão mínimas.

Mas, seguindo estas dicas, você aumentará muito suas chances de receber feedbacks eficientes sobre sua startup e ainda fazer novos amigos!

Bom, acima vimos informações valiosas sobre a aplicação do feedback, de forma a fazê-lo corretamente. Mas, qual a importância do feedback para construção sucessora de qualquer pessoa e negócio? vamos falar um pouco sobre isso?

Feedback motiva comportamentos

É extremamente importante compreender que a ideia PRINCIPAL por trás do feedback é MOTIVAR o comportamento. Isso é tão importante que vou dizer novamente. A ideia PRINCIPAL por trás do feedback é MOTIVAR.

Ou seja, o feedback positivo deve encorajar alguém a continuar praticando certos comportamentos, enquanto o feedback corretivo deve motivá-lo a mudar comportamentos. E note que eu não disse motivar uma pessoa, eu disse motivar comportamento. O objetivo é fazer com que alguém aja ou reaja de maneira diferente em certas circunstâncias. Você não está pedindo que eles sejam uma pessoa diferente.

O feedback contribui para o Sucesso

O sucesso é o prêmio em si mas também é o caminho para chegar lá. O caminho a ser percorrido para o sucesso requer que haja planejamento, aprimoramento e uma constante reavaliação de ações e métodos por meio de autoanálise ou retornos recebidos. Nesse respeito o feedback é o instrumento mais eficiente para saber se a direção que está sendo tomada está correta e se os objetivos e sonhos estão próximos de serem alcançados.

Podemos observar que grandes empresas já consolidadas utilizam muito essa ferramenta chamadas de feedback ou até mesmo pesquisa de satisfação. Por quê fazem isso? é através dessa ferramenta que as pontes para a excelência são construídas.

Agora você já se sente pronto para pedir feedbacks de forma mais eficiente?

Deixe seu comentário: