Empreendedorismo, Gestão

O que é fluxo de caixa + Planilha exclusiva

Quer saber o que é fluxo de caixa e ainda baixar uma planilha exclusiva para o seu negócio digital? Acesse este artigo!

· 5 min leitura >
fluxo de caixa

O mercado digital oferece grandes oportunidades de crescimento para os infoprodutores. Mas para garantir o sucesso do seu negócio é necessário um bom planejamento e muita disciplina.

Assim, para manter o equilíbrio da sua empresa, suas decisões precisam ser apoiadas em informações concretas. Sendo assim, um dos conhecimentos essenciais para gestão do seu empreendimento digital é saber o que é fluxo de caixa.

Pensando nisso, eu criei esse material completo explicando o que é fluxo de caixa e a importância de aplicá-lo na organização do seu negócio.

Além disso, preparei um material exclusivo para você aplicar esta ferramenta na sua empresa.

Boa leitura!

O que é fluxo de caixa?

O fluxo de caixa é uma ferramenta que garante não apenas o controle financeiro do seu negócio, mas possibilita um maior planejamento de suas ações para organização e crescimento no mercado.

Através de um fluxo de caixa você consegue ter uma noção detalhada de aspectos como:

  • Movimentação financeira do seu negócio digital (entradas e saídas);
  • Possibilidades de investimentos;
  • Lucros e perdas;
  • Projeção de crescimento.

Se você não tem um fluxo de caixa é como se você estivesse investindo aleatoriamente, pois só através dessa ferramenta você consegue ter a previsão de pagamentos e recebimentos que mantém o seu negócio funcionando.

Manter seu empreendimento digital organizado é o que garante que ele seja escalável, então é muito importante que você aplique um fluxo de caixa a sua realidade.

Dessa forma, saber o que é fluxo de caixa como você pode trabalhar com esta ferramenta na gestão do negócio é uma das necessidades primárias de qualquer empresa, e um dos principais registros a ser preenchido e acompanhado desde o início do negócio.

Qual a importância de saber o que é fluxo de caixa para o seu negócio?

Ter um fluxo de caixa organizado é muito importante para garantir o sucesso do seu negócio.

Além de permitir uma visão 360º das movimentações financeiras do seu empreendimento, também garante outras vantagens dentro do seu planejamento estratégico. Confira algumas delas:

1.    Melhor planejamento financeiro

Com um fluxo de caixa organizado em categorias, você não tem surpresas ao fechar suas despesas e lucros do mês. Se você ainda se sente perdido com o vai e vem financeiro do seu negócio, aplicar um fluxo de caixa a sua realidade de empreendedor digital é a solução.

Esse tipo de planejamento vai lhe permitir enxergar o quanto você tem gasto com sua operação e o quanto é possível investir em novos lançamentos.

Se você investe em tráfego pago, por exemplo, aplicá-lo ao seu fluxo de caixa permitirá uma análise mais precisa da viabilidade desse investimento.

2.    Mais eficiência nas tomadas de decisões

Se você tem uma visão mais ampla do seu negócio, as decisões se tornam mais fáceis e assertivas.

Isso é possível porque com um fluxo de caixa organizado você conseguirá analisar indicadores de desempenho e avaliar melhor a situação do seu empreendimento. Assim, você pode entender de onde vem seus maiores ganhos e investir em uma estratégia de marketing digital mais direcionada.

Isso torna suas decisões mais eficientes e evita o desperdício de gastos.

3.    Facilidade na análise dos indicadores financeiros

Com todos os números concentrados em um único lugar, a análise dos indicadores financeiros se torna mais fácil.

Isso significa que você pode ver o desempenho da sua empresa e entender onde ela está se saindo bem e quais aspectos precisam ser otimizados.

Em resumo, tendo acesso a todos os indicadores financeiros você pode, por exemplo, definir melhor o preço do seu infoproduto e enxugar suas despesas.

Etapas do fluxo de caixa: passo a passo

Uma má gestão ou até mesmo a falta de um fluxo de caixa pode tornar o seu negócio inviável.

Assim, se você não tem uma avaliação completa do que está ocorrendo, pode tomar decisões precipitadas e passar os pés pelas mãos na hora de fazer investimentos.

Dessa forma, para que você não tenha dúvidas de como criar o seu fluxo de caixa, eu preparei esse passo a passo simples para você começar sua jornada de sucesso.

Dá uma olhada!

Primeiro passo: identificar as entradas

Um dos primeiros conceitos para entender o que é fluxo de caixa é conhecer, identificar e acompanhar as entradas financeiras;

Elas são o que garantem o funcionamento do seu negócio. Se você trabalha com a criação e venda de um infoproduto, um curso online por exemplo, suas entradas ocorrem a partir da aquisição de um novo aluno.

Dessa forma, o ideal é que você garanta um sistema de checkout que concentre diversas formas de pagamento em um mesmo lugar.

Quanto mais formas de pagamento você disponibilizar, maior sua chance de fechar uma venda.

Mas tenha bastante atenção com relação aos diferentes prazos de recebimento, que podem variar se um cliente realizar pagamento por PIX ou cartão de crédito.

Algumas plataformas de venda de infoprodutos com checkout integrado possibilitam ao infoprodutor a solicitação de adiantamento mediante pagamento de taxa.

Segundo passo: gerenciar as saídas

Essa etapa é muito importante para que você tenha noção real de suas saídas.

Gerenciar o dinheiro do seu negócio digital passa diretamente pelo controle das contas que você precisa pagar para garantir o funcionamento.

Como infoprodutor, você deve incluir nessa etapa elementos como:

  • Boletos de energia elétrica;
  • Gastos com provedor de internet;
  • Conta telefônica;
  • Arrecadação do DAS;
  • Pagamento de terceiros.

Além disso, também deve colocar nesse planejamento os custos com plataforma de vendas e seu investimento com marketing digital.

Garantir essa organização possibilita a você entender com mais facilidade se sua empresa está tendo lucro ou precisa reajustar a rota rumo ao sucesso.

Terceiro passo: realizar pagamentos

Com o gerenciamento feito e todos os gastos levantados, chegou a hora de realizar os pagamentos.

Mas não é sair pagando de qualquer jeito, e sim organizar as prioridades e saber o momento certo de pagar cada conta para não ficar sufocado.

Normalmente, você pode ter entradas em momentos diferentes do mês trabalhando no digital, então você precisa organizar suas contas cruzando as datas de entradas e os vencimentos mais próximos.

Outra dica importante, é concentrar alguns dos seus pagamentos no cartão de crédito da sua empresa.

Essa estratégia garante que sua empresa tenha histórico bancário e facilita na hora da concessão de crédito empresarial.

Quarto passo: planeje os investimentos

Não faça nada sem planejar com antecedência.

Se você precisa investir em um novo computador ou aumentar sua receita de marketing digital, por exemplo, pesquise formas de garantir um maior custo benefício dentro da sua realidade financeira.

Quinto passo: controle seus pedidos

Identificar e catalogar suas vendas é uma maneira de ter previsibilidade, pois você com o tempo consegue perceber qual é sua média de vendas ou se elas estão aumentando ou caindo em determinado período.

Como gerenciar o fluxo de caixa

Além de todas as transações de entradas e saídas envolvendo o seu negócio, o fluxo de caixa também engloba as projeções de investimento e todas as receitas disponíveis.

E garantir uma boa gestão de tudo isso torna seu negócio mais previsível e saudável financeiramente.

Destaquei alguns aspectos importantes para que você faça uma boa gestão do seu fluxo de caixa. Acompanhe.

Organização das informações

Criar um inventário financeiro é essencial para o gerenciamento eficaz de um fluxo de caixa. Nele você deve especificar os principais custos da empresa.

Além disso, uma dica importante é não misturar informações operacionais, que envolvem o cotidiano do seu negócio e os custos de investimento que você desejar para aumentar o seu negócio.

Atualização constante dos dados

Não perca os dados importantes de vista.

Um dos maiores erros de empreendedores digitais é não fazer uma atualização constante dos dados de suas transações de entradas e saídas.

Você deve registrar:

  • Os pagamentos realizados por clientes;
  • Novos pedidos;
  • Contas a pagar.

Além disso, sempre mantenha tudo organizado em categorias, isso vai facilitar sua vida e evitar que você misture informações.

Construção e análise periódica de relatórios

O acompanhamento periódico dos números do seu negócio digital é a melhor maneira de evitar surpresas desagradáveis na sua conta.

Dessa forma, além de fornecer dados que possibilitam decisões mais acertadas, a construção de relatórios também torna todo seu processo de gestão mais seguro e confiável.  

Você deve definir a frequência de relatórios de acordo com as necessidades do seu negócio. Se você trabalha com lançamentos semestrais, por exemplo, você pode acompanhar todas as entradas e saídas mensalmente.

Além disso, analisar seus relatórios podem gerar bons insights de redirecionamento de suas campanhas e reajustar lacunas em sua estratégia de marketing digital.

Agora que você já sabe o que é fluxo de caixa e o quanto essa ferramenta é importante para manter o seu negócio escalável, eu vou te ajudar a dar o próximo passo rumo ao sucesso no mercado digital.

Preparei uma planilha completa para você realizar o acompanhamento do seu fluxo de caixa. Baixe agora sua planilha e tenha uma visão estratégica do seu negócio digital.

One Reply to “O que é fluxo de caixa + Planilha exclusiva”

Deixe seu comentário: