Marketing

Buyer persona e brand persona: conheça a diferença

Você sabe qual é a diferença entre buyer persona e brand persona? Confira este post e descubra qual é o papel de...

· 5 min leitura >
buyer persona e brand persona

A elaboração de uma estratégia de marketing digital envolve o conhecimento de diversos elementos fundamentais para a construção de um plano assertivo. Dentre eles, o entendimento sobre a buyer persona e brand persona.

Cada uma delas tem as suas características e o seu papel dentro das estratégias das empresas.

Diante disso, é imprescindível que o empreendedor digital compreenda a diferença entre essas duas personas, bem como saiba coletar informações para construí-las. Lembre-se de que a definição da buyer e da brand persona do seu negócio pode impactar no sucesso do seu empreendimento.

Quer saber mais sobre este assunto? Então, continue a leitura e confira todas as informações que separei por aqui. Vamos lá!

O que é buyer persona?

A buyer persona é um personagem semi fictício que representa o seu cliente ideal, ou seja, ela contém as principais características dos potenciais consumidores dos seus produtos e serviços.

De maneira resumida, ela é a personificação da pessoa que estaria comprando do seu negócio, exemplificando suas dores e principais necessidades que devem ser atendidas.

Por exemplo, imagine que você é um infoprodutor de um curso online para redatores iniciantes. Então, seu público-alvo pode ser mulheres com idade entre 18 e 35 anos graduadas em Jornalismo.

A partir dessas informações, você pode iniciar a descrição da sua buyer persona. Mas para dar continuidade no processo é necessário aplicar questionários e fazer entrevistas com os atuais clientes. 

Ou, ainda, fazer pesquisas de mercado ou consultar relatórios de ferramentas, como o Google Analytics. Assim, você saberá as características, as dores, os desejos, os hábitos de consumo, as objeções de compra, entre outras informações. 

Com essas informações, você consegue criar estratégias de marketing e de vendas mais eficientes e que atraiam a atenção da sua persona e a impulsionam no funil de vendas da sua empresa até conseguir convertê-la em cliente.

Como definir a buyer persona

A construção da buyer persona é um processo bastante detalhado e que deve ser feito em conjunto.

Por isso, o ideal é que neste momento você possa contar tanto com o apoio das principais pessoas que compõem o seu time quanto de amigos e colegas próximos que conhecem a realidade do seu empreendimento.

Dessa maneira, existem alguns pontos-chave que você deve responder para formular a buyer persona, como:

  • Nome;
  • Idade;
  • Região onde mora;
  • Renda familiar (média);
  • Grau de escolaridade;
  • Hábitos;
  • Interesses;
  • Hobbies;
  • Motivações;
  • Profissão;
  • Se trabalha ou não;
  • Quais as atribuições no emprego;
  • Principais desafios enfrentados atualmente;
  • O que ele busca em negócios como o seu;
  • Quais problemas já pode ter passado ao lidar com empresas do mesmo ramo que a sua;
  • Os principais canais de comunicação, como Instagram, Facebook, Twitter, TikTok, etc.

Ao responder a estes questionamentos, a visualização do seu cliente ideal ficara muito mais clara.

Eu posso ter mais de uma buyer persona?

Esta é uma dúvida bastante comum para quem está iniciando a construção das personas para o negócio.

E sim, é possível ter mais de uma buyer persona. 

No entanto, você precisa ter em mente que não adianta definir inúmeras identidades de clientes para a sua empresa se o seu objetivo é unificar a estratégia de comunicação.

Por isso, o ideal é que você trabalhe com, no máximo, 3 identidades de buyer persona.

Além disso, você deve ter consciência de que cada construção deve ter um alinhamento e coerência com as demais personas.

O que é brand persona?

Já a brand persona é a personificação dos valores e da personalidade da sua marca, ou seja, ela representa de uma forma mais humanizada a sua empresa para o mercado. Isso acontece por meio da comunicação entre a organização e os seus stakeholders.

De maneira resumida, ela é a forma de representar a sua empresa através de uma determinada pessoa.

Lembre-se de que toda empresa precisa saber como dialogar com o seu público. Então, a brand persona indica qual é o tom de voz da marca. Essa informação também é essencial para criar campanhas de marketing e de vendas.

Portanto, a missão da brand persona é mostrar para o mundo quem é a sua empresa, como ela quer ser vista, no que acredita e como pode contribuir para a sociedade. Por isso, definir essa persona é muito importante para o seu negócio digital.

Você, provavelmente, já deve ter visto a maneira como a Netflix se comunica com o seu público nas redes sociais. Ou, ainda, já deve ter conhecido a “Lu” do Magazine Luiza. 

Então, esses são exemplos de brand persona, ou seja, a personificação da marca dessas empresas.

Como definir a brand persona

O foco principal da buyer persona está na maneira pela qual o seu negócio gostaria de ser visto pelos clientes.

Por isso, uma das formas mais comuns em se definir a brand persona está na utilização de personalidades e a associação aos valores da empresa.

Para deixar mais prático, vamos utilizar um exemplo.

Imagine que você possui uma empresa de cursos online voltados para a área de desenvolvimento pessoal e liderança, trabalhando temas como:

  • Análise comportamental;
  • Formações em coaching;
  • Comunicação;
  • Treinamento de líderes;
  • Gestão de equipes.

Pensando em desenvolver uma estratégia de marketing com maior clareza e objetividade, você está buscando uma personalidade que represente a sua empresa e facilite o processo de comunicação nas redes sociais.

Para isso, o ideal é que você não busque apenas as referências de concorrentes, mas que olhe para dentro do seu negócio e busque responder as seguintes perguntas:

  • O que nós prezamos?
  • Como nos comunicamos hoje?
  • Pelo que a nossa empresa é reconhecida/gostaria de ser reconhecida?
  • O que admiramos em outros negócios do mesmo ramo?
  • Como pretendemos nos comunicar?
  • O que faremos? E o que não queremos fazer?

Respondendo a estes questionamentos, fica muito mais simples selecionar uma personalidade que transmita os valores do negócio.

Um ponto importante que você deve lembrar, é que a brand persona deve fazer sentido não somente para você como empreendedor, mas também para os colaboradores que fazem parte do seu time.

Além disso, é preciso lembrar que a definição da brand persona não é um processo exclusivo para empresas que já estão atuando no mercado. É totalmente possível, e recomendável, que você defina este ponto antes mesmo de iniciar um trabalho de marketing digital.

Assim, você poderá desenvolver uma estratégia mais coerente e alinhada no longo prazo.

É possível definir mais de uma brand persona?

Diferentemente da buyer persona, existe a recomendação de que você trabalhe com apenas 1 brand persona para a sua empresa, e eu vou te explicar o conceito lógico desse ponto.

A buyer persona representa todas as pessoas que podem se interessar em comprar o seu produto ou serviço. Assim, ela pode ser representada por pessoas com algumas características distintas, já que está abrangendo uma maior de indivíduos.

A brand persona é a identidade que representa a sua empresa, a forma como ele vai se comunicar, o tom de voz, as estratégias e “personalidade” do negócio.

Dessa forma, quando você define mais de uma maneira de comunicação, é bem provável que o seu público tenha uma maior dificuldade em se conectar. Afinal, não existe um alinhamento claro sobre o que você deseja comunicar e para quem está vendendo.

Por isso, o ideal é que seja selecionada apenas 1 identidade para a brand persona do seu negócio.

Qual é a importância da buyer persona e da brand persona para o seu negócio digital?

Se você iniciar o seu empreendimento sem a descrição das suas personas, as suas estratégias de marketing e de vendas não serão eficientes. 

Afinal, você estará criando ações baseadas em subjetividade.

Quando você tem as suas personas criadas e bem estruturadas, fica mais fácil orientar as suas equipes de trabalho para que elas sempre visualizem quem é o seu cliente ideal e tenham em mente como a marca deve se expressar diante dele e do mercado.

Dessa forma, é possível criar comunicações mais personalizadas e humanizadas. Assim, a probabilidade de manter um relacionamento saudável e duradouro com a sua audiência e, consequentemente, com o seu cliente é bem maior.

Como você percebeu, o desenvolvimento da buyer persona e brand persona são etapas fundamentais para criar uma estratégia de marketing digital clara e eficiente.

Mas, para que ela funcione da melhor forma, é preciso que você conheça os principais conceitos relacionados a vendas e relacionamento com o cliente.

E aqui no blog você vai encontrar uma seleção completa de conteúdos que vão te ajudar a definir as melhores ações para o seu negócio. Confira aqui!

6 Replies to “Buyer persona e brand persona: conheça a diferença”

Deixe seu comentário: