Empreendedorismo, Motivação

Como transformar o frio na barriga em combustível para o sucesso

Empreender é o desejo de muitas pessoas tanto para realização pessoal como aplicação de conhecimentos que possui ou liberdade financeira. Entretanto, muitas...

· 3 min leitura >
Como transformar o frio na barriga em combustível para o sucesso

Liberdade, independência, reconhecimento e, claro, dinheiro.  Essas são as quatro razões mais apontadas quando alguém responde a famosa pergunta…

Por que você decidiu empreender?

Ao mesmo tempo, não demora para que esse sonho pareça um grande oceano a se atravessar com um pequeno barco. Não era para ser assim… Você se propôs a criar algo novo e valioso neste mundo, algo que pode afetar a vida dos outros de uma forma significativa.

Você queria se tornar o próximo Zuckerberg, Jobs ou Page. No entanto, ainda está lutando para sobreviver, questionando suas ações com medo de fracassar no final?

Calma. Tem luz no fim do túnel. Neste post vou mostrar alguns motivos para as coisas não estarem indo do jeito que você imaginava e o que precisa fazer para corrigir o rumo.

Como o medo paralisa

O problema é deixar o medo do fracasso e da rejeição impedi-lo de agir. Relaxe. É um problema comum que todo mundo está enfrentando, inclusive empresários super bem sucedidos.

Hoje você olha para os grandes nomes de profissionais e empresas que você conhece, mas não fique imaginando que foi sempre assim. Os começos exigem esforços, trabalho e geralmente tendem a levar tempo.

O medo no empreendedorismo se manifesta de muitas maneiras:

  • Você sabe que para ter sucesso você deve investir muito dinheiro, tempo e vida em seu negócio. Mas aquela voz na sua cabeça, a voz do medo, sempre lembra que se você falhar, você terá apenas jogado todo esse esforço pela janela. Então você se segura.
  • Caso você queira ser um inovador já dentro de uma organização da qual faz parte, você sabe que deve ligar para aquele CEO ou mentor e pedir ajuda, mas a voz do medo lembra que eles podem rejeitar sua ideia. Então você se segura.
  • Você também sabe que deve mudar de estilo de vida, frequentar muitos eventos e construir networking. No entanto, a voz do medo faz você se perguntar se não seria tudo perda de tempo. Então você se segura de novo… E de novo.

Você tem que enfrentar seus medos ou você nunca vai alcançar os objetivos que definiu para si mesmo.

Mas como conquistar tudo que sempre quis e ignorar esse medo que paralisa tanta gente?

Como transformar seu medo do fracasso em seu melhor aliado

O primeiro passo é perceber que você não está sozinho: o medo do fracasso paralisa todos que estão tentando fazer algo novo e imprevisível.

Ao empreendedor você irá sair da sua zona de conforto e enfrentar algo diferente, por isso é natural que sinta medo. Acredite ou não, isso é uma boa notícia.

Uma vez que o medo paralisa quase todos, significa que ele também vai minimizar a competição.

Mesmo que haja pessoas cujas habilidades empreendedoras sejam muito melhores que as suas, se tudo o que elas fazem é esperar sem fazer nada enquanto você toma a iniciativa (apesar dos medos e preocupações), as suas chances de sucesso em relação às delas aumentam drasticamente.

Nesse caso é aquela história de que sem ação nada vale, e é justamente assim. As ideias precisam sair do papel para dar frutos, de nada adianta ser a pessoa mais incrível do mundo, ter as melhores ideias se não as for colocar em prática.

Em qualquer situação, a melhor coisa que você pode fazer é a coisa certa. A próxima melhor coisa que você pode fazer é a coisa errada. A pior coisa que você pode fazer é nada.

A frase acima, de Theodor Roosevelt, significa que tudo que você precisa fazer para alcançar até mesmo o seu maior sonho é se mover em direção a ele. É agir, continuar tentando e nunca desistir. Deixe que o medo se livre da maior parte da competição por você, não se preocupe com detalhes.

O segundo passo para vencer o medo é perceber que sempre que você está com medo do fracasso, significa que está prestes a fazer algo grande, que pode melhorar a sua vida e as vidas daqueles ao seu redor de uma forma positiva. Caso contrário, você não estaria com medo de estragar as coisas, certo?

Na verdade, quando você não sente medo, nem sequer frio na barriga, aí sim é sinal de perigo. É quando você deve se preocupar e perguntar: “será que eu estou mesmo fazendo algo importante?”.

Lembre-se também de que deverá haver persistência. Obviamente, você já deve ter ouvido falar sobre as grandes invenções que temos hoje, em como foram feitas. De fato, foi necessário tempo, persistência pois as ideias não obtiveram sucesso logo de cara.

Mas pense bem, e se esses cientistas, químicos, físicos, não tivessem persistido em suas ideias? Como seria nossa vida hoje? Com certeza terem deixado o medo em seu devido lugar contribuiu para que eles fizessem um grande nome e deixassem suas invenções vivas, melhorando a vida de todas as pessoas.

Outra coisa que pode te ajudar a vencer o medo é definir um objetivo, por que você quer empreender? Ter em mente uma meta a ser alcançado pode não fazer o medo desaparecer, verdade, mas fará com que você tenha muito mais forças e motivações para lidar com ele.

Para aumentar sua confiança uma forma interessante seria validar essa ideia. Você pode validá-la por verificar e se questionar sobre a sua real utilização, além disso, você pode compartilhá-la com um amigo de confiança, que lhe dará uma opinião sincera sobre o assunto. Esse é um ponto delicado, se certifique de estar compartilhando com a pessoa adequada.

Se for preciso busque ajuda no desenvolvimento do seu negócio. É natural que muitas pessoas se sintam mais motivadas quando tem ajuda para realizar alguma coisa, por isso, se você é um das pessoas pense em alguém que pode ser um aliado para colocar sua ideia para funcionar.

O que você faz para lidar com o frio na barriga frente a novos projetos e negócios? O que leva você a agir, em vez de se segurar? Conte nos comentários!

Deixe seu comentário: