Gestão

Plano de Desenvolvimento Individual para agências [+MODELO]

Numa pesquisa feita pela Feedz, 94% dos colaboradores afirmaram que trabalham melhor depois de receber um feedback. E todo feedback deve vir acompanhando...

· 3 min leitura >
pessoa fazendo um plano de desenvolvimento individual

Sabe quando você sente que a sua equipe não está evoluindo, quando os colaboradores não estão vendo como pular para a próxima fase, e você não sabe como propor um caminho? É aqui que entra o plano de desenvolvimento individual.

O nome parece bem complicado, mas na verdade ele é uma estratégia simples e extremamente eficiente para mostrar onde e como os seus colaboradores podem crescer na sua empresa.

E se você quer saber o que é o plano de desenvolvimento individual, como fazer na sua empresa e ter a chance de baixar um modelo exclusivo para usar na sua agência, continua por aqui e aproveita o conteúdo!

O que é o Plano de Desenvolvimento Individual?

Imagine que você trabalha num local em que nunca disseram se o seu desempenho está bom ou ruim, se os seus resultados estão alinhados com as expectativas da empresa ou mesmo onde você poderia melhorar.

Para alguns colaboradores, nem é preciso imaginar. Isso é vivenciado todos os dias na empresa. E é possível que você já tenha passado por isso, e que a sua equipe também esteja passando.

Numa pesquisa feita pela Feedz, 94% dos colaboradores afirmaram que trabalham melhor depois de receber um feedback.  Isso acontece porque é muito mais fácil saber como desenvolver a sua atividade quando você descobre onde deve melhorar.

E sabe como deixar isso ainda melhor? Quando você não só diz onde é preciso melhorar, mas também mostra o como isso pode ser feito! Isso pode ser feito com o uso do plano de desenvolvimento individual.

Também conhecido como PDI, essa é uma ferramenta para apresentar ao colaborador um caminho claro do que está comprometendo os seus resultados e como esse ponto pode ser desenvolvido.

Assim, o PDI funciona como um plano de ação, em que é preciso definir:

  • Colaborador;
  • Setor e função;
  • O que precisa melhorar;
  • Como;
  • Quais os recursos necessários;
  • O prazo para cumprir o plano;
  • Se foi eficaz ou não.

Além de ser uma solução simples, com o uso do plano de desenvolvimento individual é possível:

  • Envolver o time na busca por melhores resultados;
  • Aumentar o engajamento;
  • Estimular a proatividade;
  • Alinhar a equipe com os objetivos da empresa;
  • Apresentar um caminho claro de como melhorias podem ser feitas;
  • Oferecer uma gestão mais transparente.

Como fazer um PDI?

O plano de desenvolvimento individual pode ser feito em diversos momentos e empresas, desde as que já têm um sistema de gestão de pessoas em andamento ou mesmo as que ainda estão iniciando a implantação do modelo.

Assim, ele pode ser feito após o processo de avaliação de desempenho, sendo o próximo passo no ciclo de desenvolvimento das equipes.

O importante é lembrar que o PDI não é a solução, ele é o meio. Mas o que isso significa?

Não adianta pensar que o plano de desenvolvimento individual vai solucionar todos os problemas de desenvolvimento e capacitação da equipe. Ele vem como uma forma de deixar o caminho mais claro para que esses problemas sejam resolvidos, mas a responsabilidade ainda é do líder e do colaborador.

Além disso, como o próprio nome já diz, o PDI é um plano individual, feito de forma personalizada para cada necessidade dos colaboradores.

Não adianta generalizar os problemas da equipe. Foque no que cada membro precisa melhorar e desenvolva planos exclusivos para cada um.

Tendo isso em mente, vamos ao passo a passo de como estruturar um PDI.

1.    Identifique o problema

O primeiro ponto é saber o que precisa ser melhorado. E aqui não adianta usar achismos para justificar o uso do PDI.

Antes de querer colocar o plano em prática, você precisa definir com clareza qual o ponto a ser desenvolvido. É por isso que um plano de desenvolvimento individual não pode ser feito por impulso.

Analise o perfil do colaborador, seus resultados, a qualidade das entregas, as dificuldades que ele ou mesmo a equipe podem ter levantado. A partir disso, o processo pode ser iniciado.

2.    Defina as prioridades

Se, na etapa de análise, você percebeu que existem muitos pontos a serem tratados, selecione junto ao colaborador o que é prioridade.

Não adianta querer resolver todos os problemas numa única vez. É preciso focar no que é mais crítico para o desempenho do colaborador, gera maior impacto nos resultados da empresa e aí sim planejar uma solução para isso.

Quando você propõe um plano muito extenso, é provável que a pessoa que vai cumprir o plano já inicie desanimada. Afinal, o caminho pode parecer tão grande que o colaborador vai buscar caminhos para cumpri-lo mais pela pressa do que pela qualidade.

Portanto, uma coisa de cada vez.

3.    Desenvolva o plano com o colaborador

Definida a prioridade, chegou a hora de propor como o plano será feito.

O importante é lembrar de desenvolver um plano realista e claro.

Não adianta colocar soluções mirabolantes ou com um prazo muito longo, ou mesmo muito curto. Façam com que esse o plano de desenvolvimento individual seja um projeto estimulante, mas que não chegue a atrapalhar o colaborador em suas atividades.

4.    Acompanhe o andamento

Deu start no plano? Agora é a hora de manter o colaborador junto com você e acompanhar o seu andamento.

Verifique se as metas estão sendo cumpridas, se existe alguma dificuldade ou impedimento para que elas sejam feitas e sempre demonstre que você está disponível para auxiliar o colaborador quando precisar.

5.    Analise os resultados

Finalizando o prazo de cumprimento do plano de desenvolvimento individual, é o momento de ver quais resultados foram alcançados.

Lembre-se que o objetivo do plano não é que ele seja cumprido e dado o check na meta. O foco principal é desenvolver um modelo que ajude seus colaboradores a aprimorar suas habilidades.

Se você percebeu que os resultados ainda não foram satisfatórios, converse com o colaborador e proponha um novo caminho. Nem sempre uma determinada solução é a melhor para o perfil do colaborador.

Portanto, estimule a sua participação no desenvolvimento de um novo PDI.

Baixe um modelo de PDI

O PDI é a ferramenta ideal para as empresas que buscam implantar um modelo de gestão voltado para o desenvolvimento das equipes e profissionalização do negócio.

Assim, é importante lembrar que ele não funciona de forma isolada, precisando fazer parte de uma estratégia de gestão.

E agora você vai poder ter acesso a um modelo exclusivo para aplicar na sua agência! Baixe aqui o seu plano de desenvolvimento individual!

Deixe seu comentário: