Gestão

Quando a promoção de colaborador deve ser feita?

Na dúvida sobre como e em qual momento fazer uma promoção de colaborador? Então vem que eu te explico os principais pontos...

· 6 min leitura >
seta indicando promoção de colaborador

A promoção de colaborador é um dos grandes momentos para as pessoas em sua jornada na empresa, sendo um processo especial tanto para quem é promovido quanto para quem realiza o planejamento dessa decisão.

Mas decidir sobre uma promoção nem sempre é uma tarefa simples de ser feita. Isso porque esta é uma decisão que impacta em toda a empresa, desde os aspectos financeiros envolvidos como a percepção das outras pessoas do time sobre o que move as escolhas na empresa.

E se você está na dúvida sobre qual a melhor forma de fazer a promoção de colaborador, este artigo vai te ajudar.

Aqui eu vou compartilhar alguns dos erros mais comuns, os principais pontos que devem ser considerados antes de realizar uma promoção de colaborador, dicas fundamentais para que ela seja feita da melhor forma e o que fazer caso o colaborador recuse a proposta.

Aproveite o conteúdo e registre os insights durante a leitura!

Quais os erros mais comuns na promoção de colaboradores?

Promover para “segurar”

Este é um erro clássico para as empresas que se encontram em momentos de desespero, e normalmente acontece quando um colaborador, que desempenha um papel essencial no time, apresenta indícios de que deseja se desligar ou comunica a decisão de forma direta.

E o que a empresa faz? Sem muita estratégia, oferece uma promoção ou aumento na remuneração.

Além de ser uma decisão que pode afetar diretamente a saúde financeira, essa escolha por impulso demonstra que a gestão do seu negócio não tem o preparo necessário para enfrentar problemas.

E isso impacta negativamente na percepção de quem já faz parte do time.

Falta de planejamento

  • “O fulano já está aqui há muito tempo. Precisa ser promovido!”
  • “A fulana já fez muito pela empresa, então vamos promovê-la.”
  • “Acho que ele está desmotivado. Com uma promoção ele melhora!”

Frases como estas são bastante comuns nas empresas, e são o exemplo claro de uma gestão sem planejamento.

A promoção de colaborador deve ser um processo planejado e compartilhado com as lideranças. Por isso, essa nunca deve ser uma escolha baseada em “achismos”. Assim como as demais decisões, ela merece ser planejada em cada detalhe.

Aumentar as responsabilidades sem aumentar a remuneração

Parece erro de principiante, mas é mais comum do que imaginamos.

Assim como você espera algo do colaborador que vai ser promovido, ele também espera um retorno da empresa. E o aumento das responsabilidades deve ser proporcional ao aumento na remuneração.

Por isso, não tente iludir o seu colaborador com status ou falsas promessas. Desenvolva uma proposta clara, apresente os benefícios em aceitar o novo cargo e mostre todos os benefícios que podem ser conquistados com a mudança.

Definir expectativas muito altas

É lógico que uma promoção vem carregada de maiores responsabilidades, mas é importante que você saiba definir de forma clara e realista o que esperar do colaborador que está sendo promovido.

Um erro comum dos gestores é pensar que, por meio de uma promoção, o colaborador vai ganhar “superpoderes” e apresentar um rendimento extraordinário. Com as expectativas tão altas, a frustração acaba sendo uma consequência tanto para quem promoveu quanto para quem foi promovido.

Oferecer poucos recursos

Outra falha comum é realizar promoções sem oferecer os recursos necessários para que a pessoa desempenhe o seu papel com qualidade na nova função.

Isso acontece especialmente nas empresas que ainda não trabalham com um sistema de gestão bem estruturado, e realizam a promoção de colaborador como uma ferramenta de premiação, mas sem a definição de um plano para os próximos passos.

O que avaliar na promoção de colaborador?

Depois de conhecer os principais erros, e possivelmente ter se identificado com alguns deles, é o momento de entender quando as promoções devem acontecer.

Veja bem, esta é uma decisão que deve ser percebida como um incentivo ao desenvolvimento do colaborador e uma forma de recompensar o seu trabalho. No entanto, estes não são os únicos fatores a serem observados.

Assim como esta será uma grande mudança para pessoa promovida, esta escolha deve vir carregada de benefícios para a empresa. Afinal, ninguém é – ou pelo menos não deveria ser – promovido sem motivos.

Por isso, é importante que você faça algumas perguntas:

  • Como essa promoção vai impactar nos resultados da empresa?
  • Teremos aumento na produtividade?
  • O colaborador está de acordo com a decisão?
  • Conseguiremos gerar resultados com maior qualidade?

Além disso, outros pontos também devem ser observados. Veja a seguir.

Desempenho

Uma promoção de colaborador deve fazer sentido tanto para a empresa quanto para quem está sendo promovido.

Por isso, um dos primeiros pontos a serem observados é o desempenho do colaborador.

  • Qual a qualidade das entregas?
  • As tarefas são feitas dentro do prazo?
  • Suas ideias contribuem com a evolução da equipe?
  • Qual a dedicação na atual função?

A resposta para estas perguntas vai ajudar a entender melhor a possibilidade de promoção.

Perfil

O perfil do colaborador é outro ponto negligenciado no momento de uma promoção, especialmente para cargos de liderança.

Afinal, é possível que o colaborador não tenha o perfil necessário, não tenha interesse ou esteja preparado para assumir a responsabilidade.

Por isso, você deve realizar uma análise sobre o perfil, preferências, soft skills e hard skills da pessoa que vai receber a promoção.

Relacionamentos

Como é o relacionamento do colaborador com as outras pessoas do time? É uma pessoa querida ou que tem dificuldades com os outros? Como ela lida com conflitos?

A análise da forma como a pessoa se relaciona com as outras também impacta no processo de decisão, pois a promoção de uma pessoa que se envolve em muitos conflitos pode desestimular a equipe e desenvolver uma tendência a comportamentos negativos.

Afinal, a equipe pode passar a pensar que, se uma pessoa que gera tantos problemas é promovida, então o melhor seria seguir o exemplo.

Financeiro

Por fim, mas não menos importante, você precisa avaliar como esta promoção vai impactar na saúde financeira da empresa.

  • Hoje a empresa conseguiria manter o aumento da remuneração?
  • E no longo prazo?
  • Como essa promoção de colaborador está alinhada com a estratégia da empresa?

Como fazer a promoção de colaborador?

Conhecendo os erros e descobrindo o que precisa ser avaliado, vamos ao que interessa: como a promoção de colaborador deve ser feita?

Veja as dicas que eu separei aqui!

Avalie os resultados e possibilidades

Primeiro, avalie se o colaborador:

  1. Merece;
  2. Está preparado;
  3. Está disposto.

Esse ponto está relacionado à avaliação dos pontos que citei logo acima no artigo, como desempenho e perfil, bem como sobre as possibilidades de a empresa arcar financeiramente com este custo.

Solicite o feedback da equipe

Outro ponto é avaliar a percepção da equipe sobre esta promoção.

Isso não significa que você deve perguntar diretamente aos membros do time o que eles pensam sobre a possibilidade. Mas é importante investigar como esta mudança pode impactar na motivação e engajamento das pessoas.

A promoção de um colaborador que não é “bem-visto” pelas pessoas acaba gerando sentimentos de desconfiança sobre a gestão, bem como o impacto no clima organizacional.

Por isso, sempre analise como isso pode impactar nas outras pessoas, além de verificar se a decisão é saudável para o desenvolvimento do colaborador.

Comunique em particular

Se, depois de analisar cada um dos pontos, você percebeu que a promoção de colaborador deve acontecer, então vamos comunicar!

Mas cuidado, este é um momento delicado e que deve ser feito com cautela.

Assim como esta pode ser uma notícia bem-vinda e bastante desejada para a pessoa, ela também pode não ser a melhor das mudanças.

Eu imagino que você pensa na comunicação sobre a promoção como um momento festivo, realizado em uma reunião geral e repleto de alegrias e comemorações. Porém, este momento pode virar um completo desastre se a notícia não é desejada pelo membro da equipe.

Nem sempre os colaboradores estão interessados ou se sente preparados para assumir um novo cargo. Por isso, é essencial que a comunicação seja feita em particular.

Solicite uma reunião com a pessoa e reúna apenas quem realmente deve estar presente no momento. Comunique sobre as mudanças, o planejamento realizado e quais as novas expectativas para o cargo.

E se a promoção de colaborador não for aceita?

Este é um cenário que nem todos estão preparados para enfrentar.

Existem inúmeros motivos que podem fazer uma pessoa recusar a promoção. Por isso, você sempre deve estar preparado para todas as possibilidades.

Verifique se o colaborador está disposto a aceitar o novo desafio. E caso não se sinta preparado, nunca pressione a pessoa para aceitar a decisão. Apenas mostre que o caminho estará aberto para uma nova oportunidade, bem como verifique o que pode estar fazendo com que o membro recuse a proposta.

Além disso, caso o motivo da promoção seja a reposição de um cargo estratégico para a empresa e represente alguma urgência, pode ser uma situação para contratar novos colaboradores para a empresa.

Como você viu, uma promoção de colaborador deve ser um processo bem planejado. Assim, o ideal é sempre avaliar todas as possibilidades, necessidades e cenários, bem como avaliar como esta mudança beneficia a empresa.

E se você quiser saber mais sobre gestão de pessoas para negócios digitais, confira estes outros artigos aqui no blog:

 

Deixe seu comentário: